quinta-feira, 29 de abril de 2010

Mocinha










A Mocinha é Perdigueira ou parente, entrou pelo meu portão muito pequena ainda, não sei se deixaram lá, ou se veio sozinha...está no YOUTUBE um filminho que fiz dela dias depois.
Era muito pequena, foi crescendo, crescendo e ficou grande, uma cachorra linda.
Quando ninguém vê nada na chácara, lá está a Mocinha latindo por algo que só encontramos depois. Tem ouvidos e olhos privilegiados, acho que tem a ver com a raça dela.
É muito madura, educada, amiga super fiel, grande companheira bem na dela, mas sempre atenta.

video

Xanti



Esta fofíssima apareceu num cruzamento de uma avenida super movimentada bem ao lado do meu carro, de mêses ainda, muito pequena e toda agitada, não pensei duas vezes, abri a porta do meu carro e coloquei ela para dentro.
No carro tocava um CD que adoro de uma cantora indiana de pai inglês, e no momento que a bolinha de pelos entrou tocava a música-mantra onde repetia a palavra XANTI....XANTI...num som maravilhoso que nos levavas às nuvens e nisso a nossa Xanti entrou no clima e ficou sentindo e observando tudo. Saiu do meio do caos, do meio dos carros enlouquecidos para entrar no paraíso cheio de sons encantatórios....entre nuvens.
Foi engraçado, meu carro fechado, isolado dos barulhos do trânsito, uma capsula indiana, e lá sei foi comigo a Xanti, na mesma hora dei este nome à ela.
É muito animada, uma graça, super amorosa, um pompom pulante! Tem uma maturidade interessante, é muito de bem com a vida.
Ela e a Madona, são as pequenas do canil.

Madona




Esta é a Madona, que as vezes chamo de Madonita!
A menorzinha do grupo, super levinha e chameguenta, é a companheirinha do Bera-Bera.
A Madona é super na dela e toda charmosa, uma mistura com Pincher.

Pan






Esta é a PAN.
Peguei quando ela andava com mêses de idade no meio da Rua mais movimentada de Avaré, entre as rodas dos carros, um susto!
Estava sem pelo nenhum, com uma sarna danada, o antigo dono deve tê-la abandonado por isso.
Levei no veterinário, tratamos e sarou, ficou linda, foi crescendo aos poucos um pelo lindo, negríssimo, quase azul.
É a única cachorra que ja vi fazer um salto em parafuso, com 360 graus até nosso colo, incrível e ninguém ensinou!! É super amiga, atenciosa e na dela, uma verdadeira lady.

sábado, 10 de abril de 2010

Bera-Bera (Beraldo)



Este é o Bera-Bera, um pequeno herói.
É um guerreirinho, super ativo, atlético, o mais ligeiro da turma, sempre correndo alerta, defendendo a chácara dos curiosos no em torno do grande alambrado. Muito amoroso e hiper companheiro.

sábado, 13 de março de 2010

Chiquinha









Aqui Chiquinha após a castração no canil dela com a Princesa e o Carvãozinho, seu filho de 5 mêses. No canil ao lado a Florzinha que estava dodóe

Lobinho








O Lobinho é incrível, um dos cachorros mais tranquilos do canil, atencioso, observador, carinhoso, transmite muita paz e serenidade. É um cachorro interessante.